Com muita alegria encerrou-se a XXV Assembleia dos Frades de Profissão Temporária

Na sexta-feira (07), recordando a memória de Santo Ambrósio, os membros desta Assembleia se reuniram para rezar ao Deus Altíssimo, os louvores matinais. Em seguida, com o café, todos se encontraram no salão nobre, às 09h30, para uma conversa orientada com o novo Secretário para a Formação e os Estudos, Frei Valdemir Nelo Rufino (Frei Miro), ao qual existiu um clima fraterno e muita abertura para as colocações. Diversos pontos pertinentes à formação, readequação de nossas motivações e soluções cabíveis necessárias ao momento foram só alguns dos assuntos discutidos, dando uma liberdade para tomar as decisões e orientar os equívocos, assim como promover uma proximidade com os frades para o seu trabalho custodial. Frei Miro observou que “é preciso ter abertura para o novo que tem surgido na Custódia, e isto motiva muito e dá esperanças para os novos horizontes que ela (Custódia) tomar”.

Dando uma pausa para o almoço e retornando aos trabalhos às 15h, foi a vez de falarmos com o Custódio, Frei Fernando Aparecido dos Santos, OFM., em sua primeira fala com os frades de profissão temporária após sua eleição. Seguindo a pauta de nossa conversa, o Frei Fernando agradeceu os professos temporários por darem este seguimento à Assembleia ao qual ele esteve presente na sua inauguração e, hoje, comemora Bodas de Prata (25 anos) de um percurso amadurecido e reflexivo sobre a vida religiosa franciscana e a formação custodial.  Ele salientou que “é preciso deixar-se ser formado, um ser humano em construção, não estar impermeável, fechado, mas interagir com este tempo formativo”, pelo qual os frades jovens são o oxigênio para a Fraternidade Custodial e, por isso, “devem seguir juntos à Custódia, integrantes desta construção com os demais irmãos”. Recebemos, ao fim da tarde, Frei Rogério Viterbo de Sousa, OFM (Custódio da Custódia Franciscana de Nossa Senhora das Sete Alegrias) e Frei Jorge Vasconcelos dos Santos (Ecônomo Custodial da mesma Custódia), junto aos aspirantes que serão admitidos ao Postulantado na Solenidade da Imaculada Conceição de Nossa Senhora. São eles: Claudiomar Teixeira Firmino, Douglas Brito Ribeiro Atanázio de Sousa, Maike Gerônimo de Lima, Mateus Pereira Coelho e Yhannder Ribeiro Aguilar. Com ele, serão admitidos André Luís dos Santos, Cleber Rosa da Silva e Michel May dos Santos, aspirantes pertencentes à Custódia Franciscana do Sagrado Coração de Jesus.

Tendo celebrado a Eucaristia com o povo de Deus a liturgia votiva do Sagrado Coração de Jesus, todos estiveram reunidos às 19h30 na Paróquia Sagrado Coração de Jesus e, em seguida, saborearam o delicioso jantar oferecido pela fraternidade local. Mesmo quase encerrando o dia, os membros da Assembleia se dirigiram ao salão nobre e leram a proposta de Carta Aberta ao qual será apresentada ao novo Secretariado para a Formação e os Estudos e o Conselho Custodial. Com muitas correções, a ata logo após foi lida e ambas aprovadas, passando então para os moderadores, o encerramento com grande sucesso da XXV Assembleia dos Frades de Profissão Temporária 2018.

A grande felicidade está em não se buscar um fim, mas o meio. Neste ponto, o meio traduz a nossa busca no aqui e agora, uma alegria e realização que se encontra no dia-a-dia e não num extraordinário que está além de nossas forças ou de nós mesmos. Assim também, a realização desta Assembleia revigora em nós um ardor novo por, mesmo em grandes dificuldades, e as vezes lutas sem vitórias, permitir a nós mesmos darmos a oportunidade de cultivar aquela semente que é a nossa vocação. Desejosos que este espírito franciscano nos ajude sempre mais, clamamos ao Senhor da Messe que fortaleça nossos irmãos que amanhã serão admitidos ao Postulantado da Ordem dos Frades Menores, para que “o Senhor que deu bom começo”, dê aos nossos irmãos e a nós que renovaremos os votos “a graça do crescimento e da perseverança até o fim” (cf. Test 78).

Em Francisco e Clara de Assis,

Frei Luciano Souza da Cruz, OFM




 

Outras Postagens

Deixe uma resposta

Início