Corpus Christi: de onde vem esta festa celebrada com feriado?

Há um dia no calendário cristão de origem católica para celebrar a Festa do Corpo de Cristo, consagrada com a expressão em latim, Corpus Christi. No Brasil, feriado nacional. É celebrado sempre numa quinta-feira, com calendário móvel, com dias contados a partir da celebração da Páscoa, também um calendário que muda a cada ano.

De onde vem esta Festa, celebrada com Feriado?

Sua origem primeira vem da vida de Jesus de Nazaré.

Quando o Mestre Galileu sentiu o cerco dos poderosos da Judeia encastelados no templo de Jerusalém e a possibilidade de que o acirramento do conflito pudesse leva-lo à morte, realizou uma janta com seus discípulos. Esta janta, caracterizada com um encontro de amigos, foi coberta de tensão e sofrimento.

Dela, e antes de partilhar do pão e do vinho, Judas saiu para trair Jesus.

Nesta janta, chamada de Ceia (e na devoção, Santa Ceia), Jesus se despediu dos seus e deixou-lhes um símbolo para que celebrassem sua memória e sua presença entre eles. Tomou do pão e antes de repartir, disse: “Isto é meu Corpo, tomai e comei”. Tomou também o vinho e repartiu entre os que estavam na mesa e também disse: “Isto é meu sangue, tomai e bebei”. E arrematou: “Façam isto em memória de Mim”.

Naquela noite de quinta-feira, logo após a Ceia, Jesus foi preso, julgado, condenado e torturado a mando do Sinédrio Judaico e, no dia seguinte, condenado à pena de morte na cruz pelo representante da tropa de ocupação romana, Pilatos. Naquela sexta-feira o Mestre Nazareno foi martirizado e assassinado, exposto ao vexame público até morrer pendurado numa cruz de madeira.

Desde as primeiras comunidades cristãs, ainda no primeiro século da era cristã, se celebra este acontecimento e se tem na ceia com Pão e Vinho o símbolo da presença viva do Mestre assassinado, realizada semanalmente nas comunidades discípulas de Cristo em todos os cantos do mundo, com algumas diferenças de doutrina e forma, nas várias denominações cristãs.

No catolicismo, aos poucos, pensou-se num dia específico para celebrar publicamente este acontecimento decisivo na vida de Jesus e nas comunidades cristãs. Como a chamada Semana Santa tem um caráter forte de dor e lembrança triste por representar o Martírio de Jesus, procurou-se outra data no calendário religioso para celebrar com festa a presença de Jesus, de forma material, na forma de pão e vinho, símbolo vivo do Corpo e do Sangue de Jesus. Desde a idade média, foi se firmando a tradição de celebrar com festa este dia, numa quinta-feira, a presença do Senhor reconhecido pelos cristãos num dia especial: o dia do Corpo de Cristo.

Um dia em que os cristãos comprometidos com a organização dos pobres e trabalhadores em busca do Reino de Deus, de justiça e fraternidade, celebram e relembram em memória do Nazareno, sua doação em vista de uma humanidade melhor e o pão e o vinho partilhado de forma igual entre todos como o sinal mais coerente da presença real de Deus entre os seres humanos.

Frei Sérgio Antônio Görgen, OFM
Fonte: padrejosimo.com.br

Outras Postagens

One thought on “Corpus Christi: de onde vem esta festa celebrada com feriado?

  1. Bom dia, meu nome é Camil e sua empresa foi indicada para receber o Prêmio DESTAQUE EMPRESARIAL 2019 realizado com apoio do SEBRAE.

    COMO RECEBER: Para receber o Certificado OFICIAL pronto para impressão personalizado com o nome da sua empresa, segmento de atuação , selo de qualidade que pode ser utilizado em todas as mídias e canais de comunicação utilizados pela empresa e dados relativos a pesquisa, é só enviar um OK, é pago apenas o custo de envio.

    O CUSTO DE ENVIO PODE SER PAGO APÓS A ENTREGA DO MATERIAL no valor de apenas R$ 99,00

    -O certificado é enviado em PDF e JPG, a impressão fica a critério exclusivo de cada empresa homenageada.

    Atenciosamente
    Camila Nunes
    Destaque Empresarial
    Avenida Paulista, 2300
    São Paulo – SP
    CEP: 13103000

Deixe uma resposta

Início