12º Domingo do Tempo Comum: “Jesus nos interpela a nos doarmos completamente como discípulos missionários”

Jesus, estando em oração, pergunta aos discípulos sobre o que dizem as multidões a respeito d’Ele. Depois sobre quem os discípulos pensam que Ele seja. Pedro reponde por todos: “O Cristo de Deus”. Esta resposta vai além da visão das multidões que viam Jesus como um grande profeta. Jesus, porém, proíbe os discípulos de anuncia-lo como o Cristo, o Messias. Este é o chamado “segredo messiânico” que parece ser usado como estratégia para não confundir o povo.

Jesus é visto como profeta, mas não á apenas profeta. É o Ungido, o Messias, o Cristo, é Deus mesmo que assumiu a condição humana e por isso se diz “Filho do Homem”. Jesus é Aquele anunciado pelos profetas e também por Zacarias, como vemos na primeira leitura. Acontece que Ele anuncia o sofrimento, a morte e a ressurreição que não eram compreensíveis aos discípulos. Ao mesmo tempo, Ele convida os seus seguidores a abraçar o mesmo projeto, seguir o mesmo caminho, tomar a mesma cruz e depois ressuscitar com Ele: “Se alguém me quer seguir, renuncie a si mesmo, tome a sua cruz e me siga”.

Certamente os discípulos só entenderam esta afirmação depois da ressurreição de Jesus e da vinda do Espírito Santo, pois eles mesmos não queriam que Jesus morresse. Por isso, vemos na carta de São Paulo aos gálatas a expressão “batizados em Cristo” que carrega o sentido de que com Cristo vivemos, por Ele morremos e por Ele nos salvamos.

Hoje Jesus nos interpela para que, como discípulos missionários, sejamos capazes de nos doarmos completamente, e este é o significado de “abraçar a cruz” e de servirmos a humanidade como cristãos e como Igreja. Pelo batismo nos tornamos também iguais aos olhos de Deus, por isso a necessidade de viver a solidariedade com os mais pobres e sofredores. São Francisco de Assis, irmão universal, deu testemunho com a sua vida que somos “todos filhos de Deus”, por isso, o seu olhar é de misericórdia e de ternura, que condena a violência e chama à conversão, que reparte o amor, a veste e o pão.

Frei Valmir Ramos, OFM
Definidor Geral da OFM – América Latina

Outras Postagens

3 thoughts on “12º Domingo do Tempo Comum: “Jesus nos interpela a nos doarmos completamente como discípulos missionários”

  1. The other day, while I was at work, my sister stole my apple ipad and tested to see if it can survive a twenty five foot drop, just so she can be a youtube sensation. My iPad is now destroyed and she has 83 views. I know this is totally off topic but I had to share it with someone!

  2. Do you mind if I quote a couple of your posts as long
    as I provide credit and sources back to your webpage?
    My website is in the very same niche as yours and my visitors would truly benefit from a lot of the information you present here.
    Please let me know if this alright with you. Cheers!

Deixe uma resposta

Início