Sínodo para a Amazônia: Relato do Frei Valmir Ramos, OFM

De 06 a 27 de outubro, no Vaticano, a Igreja Católica esteva reunida com seus bispos, padres, leigos e leigas, especificamente da região amazônica, realizando o Sínodo para a Pan-Amazônia.

O Sínodo é uma reunião consultiva do Papa para determinados assuntos de caráter eclesiológico, ele mesmo determina previamente um assunto e faz a convocação com antecedência para os preparativos, e alguns membros (bispos, padres, leigos e leigas) são convidados de antemão para a organização e a participação.

Para este Sínodo, a Ordem dos Frades Menores teve a presença de vários frades, de modo particular, do nosso confrade da Custódia Frei Valmir Ramos, Definidor Geral para a América Latina. Ele nos relatou, resumidamente, o que vivenciou de perto durante esses dias tão especial para Igreja. Acompanhemos:

Novos Caminhos para a Igreja e para uma ecologia integral

“Concluímos o Sínodo para a Amazônia com um grande resultado que é o diagnóstico amplo sobre a vida e o caminho da Igreja em toda a região pan-amazônica.

Para cumprir a sua missão, a Igreja precisa dar ouvido ao grito que vem da Amazônia. Por isso, o Papa Francisco convocou este Sínodo, acreditando que este é o caminho para a Igreja de hoje: caminhar juntos aprendendo e discernindo.

Foi um passo importante na história da Igreja, especialmente para a região da Amazônia internacional (9 países). O processo sinodal envolveu mais de 87 mil pessoas para refletir a temática principal deste Sínodo: a vida dos povos amazônicos, da biodiversidade (criação de Deus) e do planeta (“casa comum”).

Os meios de comunicação estão destacando dois pontos muito pequenos diante do universo discutido: possibilidade de ordenação para padres casados e diaconado para mulheres. Isto significa que estão reduzindo a quase nada todo o processo sinodal com a temática universal que a Igreja está tratando, o que pode agradar governos e sociedade míope que quer continuar ameaçando e destruindo a vida.

O Documento Final já publicado em espanhol está nas mãos do Papa que conta com um Comissão eleita para ajuda-los nos próximos passos. Ele comprometeu-se em escrever uma “exortação pós-sinodal”.

Cada um de nós é convidado a não permanecer no particular e lançar um olhar mais amplo nos horizontes da missão da Igreja que é chamada a defender a vida hoje e no futuro.”      

Frei Valmir Ramos, OFM

Que Deus olhe para nós sempre com misericórdia e nos ajude a trilhar “novos caminhos para Igreja” proposto nesses dias do Sínodo, que o diálogo seja o instrumento usado para que cada um de nós cristãos assuma e abrace com amor o que “o Espírito Santo sopra sobre a Igreja”. 

Paz e Bem!

Equipe de Comunicação Custodial

  

Outras Postagens

3 thoughts on “Sínodo para a Amazônia: Relato do Frei Valmir Ramos, OFM

  1. 162876 323575Cheapest player speeches and toasts, or perhaps toasts. continue to be brought about real estate . during evening reception tend to be likely to just be comic, witty and therefore instructive as nicely. greatest man speeches free of charge 133511

  2. Oh my goodness! a tremendous article dude. Thanks Nonetheless I am experiencing subject with ur rss . Don抰 know why Unable to subscribe to it. Is there anyone getting equivalent rss drawback? Anybody who is aware of kindly respond. Thnkx

Deixe uma resposta

Início