4º dia da Semana de Formação: “História da Custódia Franciscana do Sagrado Coração de Jesus”

Em comemoração aos 70 anos de fundação da nossa Custódia Franciscana do Sagrado Coração de Jesus, nós frades demos continuidade aos festejos. Logo pela manhã tivemos a Celebração Eucarística em honra a São Francisco de Assis e, também, em ação de graças pelo aniversário natalício do confrade Frei Ezimar Alves Pereira que presidiu a Celebração, seguida do café. Após, tivemos a partilha de Frei Odécio Lima de Souza que nos relembrou vários fatos da Custódia e o jeito de ser italiano da nossa entidade.

Frei Odécio falou da chegada dos dez primeiros frades vindos da Itália em 17 de abril de 1947, como também das características de alguns deles. Dentre estas características estava a virtude de serem esmoleres, construtores, evangelizadores, coragem e a virtude da fé. Lembrou também que a Custódia nasceu a partir do amor fraternal e ternura que estes frades missionários tinham um pelo outro.

Lembrou-nos também dos empreendimentos idealizados pelos frades, dentre eles o Patronato Juvenil Garcençe, na cidade de Garça – SP idealizado por Frei Aurélio Di Falco. Frei Berardo Paolino que muito donativo conseguiu através de suas andanças, de Frei Justino do modo de sua atuação pastoral. E fatos da vida de Frei David, Frei Carolino, e de tantos outros que já partiram para a eternidade.

Foi lembrado também Dom Frei Irineu Andreassa, atual Bispo de Diocesano de Ituiutaba – MG; que usou de coragem perante os desafios de sua época, e do seu amor que até hoje nutre para com a Custódia. O período da manhã encerrou-se com o momento fraterno e o delicioso almoço.

Após o almoço tivemos a chegada de Dom Frei Irineu Andreassa, para celebrar este momento festivo da Custódia.

Às 14:30h tivemos o Frei Rodrigo de Castro Amédee Peret, que relatou-nos a história da antiga Fundação Nossa Senhora de Fátima que após anos, passou a ser a Custódia Franciscana do Sagrado Coração de Jesus. Os 5 frades da Fundação que também vieram da Itália, chegando ao Brasil em 13 de agosto de 1953, e no Triângulo Mineiro dedicaram-se a ação missionária, evangelizadora e social daquela região do Brasil.

Após o café da tarde Dom Frei Irineu, falou da vocação missionária presente, nos frades que vieram em 1947. Ele também falou da sua experiência enquanto formando, padre, formador, suas passagens pelas fraternidades da Custódia; dos irmãos Freis não ordenados que davam testemunho de consagração dentre eles Frei Frederico e Frei

Berardo. Dom Frei Irineu terminou sua fala enfatizando a necessidade de estarmos atentos com a dimensão social.

Às 18:30h tivemos a Adoração Eucarística, seguida do recreio festivo com temática italiana. Deste modo encerramos mais um dia de oração, gratidão ao passado e de confraternização entre os frades.

Frei Ampélio Geraldo Rodrigues Celestino da Silva, OFM



 



 

Outras Postagens

Início