Setembro, mês da Bíblia: A Bíblia não é livro de histórias desconexas

A Bíblia não é uma série de histórias desconectadas. Ela é uma única narrativa na qual cada história, cada personagem, aponta para além de si, para Alguém maior.

A história de Adão e Eva não trata apenas do primeiro homem e mulher, há um Adão melhor e verdadeiro, que passou no teste do jardim e cuja obediência é atribuída a nós!

Há um Abel melhor e verdadeiro assassinado sem ter culpa, cujo sangue chama não pela nossa condenação, mas por nossa absolvição!

Há um Abraão melhor e verdadeiro que atendeu ao chamado de Deus para deixar seu lar e todo conforto, partindo ao vazio e ali criando um novo Povo de Deus!

Há um Isaac melhor e verdadeiro. Filho da Graça e da Promessa que não foi apenas oferecido por seu pai sobre o monte, mas de fato sacrificado por todos nós!

Há um Jacó melhor e verdadeiro que lutou e recebeu o golpe do castigo que cabia a nós, a fim de que, como Jacó, só recebêssemos a ferida da Graça que nos desperta e nos disciplina!

Há um José melhor e verdadeiro que, estando à direita do Rei, perdoa aqueles que o traíram e o venderam, usando seu novo poder para salvá-los!

Há um Moisés melhor e verdadeiro que se põe no abismo entre o povo e o Senhor mediando uma nova Aliança!

Há uma rocha de Meriba melhor e verdadeira, ferida pela vara da justiça de Deus que agora nos dá água no deserto!

Há um Jó melhor e verdadeiro. Alguém que conhece o sofrimento injusto, que intercede e salva seus tolos amigos!

Há um Davi melhor e verdadeiro cuja vitória se torna a vitória de seu povo, ainda que eles mesmos não tenham levantado uma pedra sequer para conseguir isso!

Há Alguém melhor e verdadeiro que, como Ester, não arriscou apenas perder um palácio terreno, mas abriu mão do Trono Celestial, e não apenas arriscou a sua vida como a deu por completo para salvar seu Povo!

Há um Jonas melhor e verdadeiro que foi lançado à tempestade a fim de que dela nós fôssemos resgatados!

Há um Cordeiro da Paz melhor e verdadeiro, Inocente, Perfeito, que se deixou ser morto para que o Anjo da morte não atentasse contra nós!

Ele é o verdadeiro Templo, o verdadeiro Profeta, o verdadeiro Sacerdote, o verdadeiro Rei, o verdadeiro Sacrifício, a verdadeira Cruz e o verdadeiro Pão.

A Bíblia não é uma série de histórias desconectadas. Ela é uma única narrativa que aponta para uma Única Pessoa: Jesus!!!

Frei José Antônio Alves de Souza, OFM

Outras Postagens

Início